David J. Phillips

Autodenominação: Os habitantes da T. I. Uru-Eu-Wau-Wau são divididos em cinco subgrupos: Os Jupaú que significa 'os que usam jenipapo. Os Amondawa. Os Uru Pa In. Também isolados dos Parakuara e os Jurureis.

Outros Nomes: O nome Ur-pan-in foi dado aos Jupaú pelos Os Uru Pa In.

População: 200 (DAI/AMTB 2010), 200 (SIL 1995).

Localização: Nas cabeceiras dos Rios Pacaás Novos e Jamari. Município de Ariquemes, RO. Em duas Terras Indígenas:

T. I. Uru-Eu-Wau-Wau é homologada e registrada com 1.867.120 ha com uma população de 214 Amundava (Amondawa veja perfil), Juma, Oro Win e Uru-Eu-Wau-Wau (Wari veja perfil)(PIB). T. I. Uru-Eu-Wau-Wautêm seis aldeias de Amundava (Amondawa), Jupaú e Uru-Pa-In e também índios isolados, os Parabuara e os Jurureís e mais dois grupos cujos nomes são desconhecidos no Igarapé Água Branca e no médio do rio Cautário (Kanindé 2003).

Língua: Kagwahiva, Da família linguística Tupian, Tupi-Guarani, Kawahib. Os falantes não têm contato permanente com a sociedade nacional (SIL).

História: Em 1985 a FUNAI institui um grupo de trabalho para identificar e definir a área indígena dos Uru-Eu-Wau-Wau e dos Ur-pan-in. Em julho de 1985 foi declarada de posse permanente dos índios e em 1991 foi homologada. A Terra Indígena tem três Postos Indígenas da FUNAI, que não servem os Ur-pan-in. Invasões de madeireiros e seringalistas ocorreram muitas vezes até o presente. Após a pavimentação da BR-364 veio a intensificação do comércio de madeira, principalmente d mogno e cerejeira. Em 2003 ocorreu a invasão de 5.000 não indígenas que chamava-se 'Liga dos Camponeses Pobres'. Sua retirada se deu e envolveu de diversas órgãos públicos, inclusive a ONG Kanindé. Também o Estado têm criado municípios sem infraestrutura, populações pequenas, e que têm a maior parte da sua área territorial dentro de Terras Indígenas (Kanindé 2003).

O treinamento faz parte de um programa da Associação Kanindé que acontece anualmente com o intuito de aumentar as condições dos índios de vigiar e fiscalizar as suas áreas. Além do curso para uso de GPS também houve oficinas para uso de rádio amador e utilização de código morse (Notícia do Globo).

Estilo da Vida: A Terra Indígena tem cinco Postos da FUNAI e mais um não oficial, Posto São Luís, na margem do rio São Luíz, onde moram os Ur-pan-in.

Sociedade: Veja Uru-eu-wau-wau.

Artesanato:

Religião: Faltamos informações.

Cosmovisão:

Comentário:

Bibliografia:

  • DAI/AMTB 2010, 'Relatório 2010 - Etnias Indígenas do Brasil', Organizador: Ronaldo Lidório, Instituto Antropos -instituto.antropos.com.br.
  • HEMMING, John, 2003, Die If You Must – Brazilian Indians in the Twentieth Century, London; Pan Macmillan.
  • KANINDÉ Associação de Defesa Etnoambiental, 2003, 'Uru-Eu-Wau-Wau', Povos Indígenas do Brasil, Instituto Socioambiental, São Paulo, pib.socioambiental.org/pt/povo/uru-eu-wau-wau. verbete produzido em parceria com Jupaú - Associação do Povo indígena Uru-Eu-Wau-Wau.
  • SIL 2009, Lewis, M. Paul (ed), Ethnologue: Languages of the World, Sixteenth Edition. Dallas, Tex: SIL International. Versão on line: www.ethnologue.com.
indigenous peoples of Brazil
Relatorio DAI-AMTB IndigenasDoBrasil
Lista das Etnias Indigenas